Category Archives: Irene Lisboa

Irene do Céu Vieira Lisboa ( Arruda dos Vinhos, 25 de dezembro de 1892 – Lisboa, 25 de novembro de 1958), foi uma escritora, professora e pedagoga portuguesa. A escrita dominou toda a sua vida. A obra literária que produziu foi elogiada por alguns dos seus pares embora nunca tenha tido grande aceitação por parte do público.

Irene Lisboa – “Escrever”

Se eu pudesse havia de… de… transformar as palavras em clava! havia de escrever rijamente. Cada palavra seca, irressoante! Sem música, como um gesto, uma pancada brusca e sóbria. Para quê, mas para quê todo o artifício da composição sintáctica … Continue reading

Posted in Irene Lisboa | Tagged , , , , | Comments Off

Irene Lisboa – “Jeito de escrever”

Não sei que diga. E a quem o dizer? Não sei que pense. Nada jamais soube. Nem de mim, nem dos outros. Nem do tempo, do céu e da terra, das coisas… Seja do que for ou do que fosse. … Continue reading

Posted in Irene Lisboa | Tagged , | Comments Off

Irene Lisboa – “Chuvoso maio!”

Deste lado oiço gotejar sobre as pedras. Som da cidade … Do outro via a chuva no ar. Perpendicular, fina, Tomava cor, distinguia-se contra o fundo das trepadeiras do jardim. No chão, quando caía, abria círculos nas pocinhas brilhantes, já … Continue reading

Posted in Irene Lisboa | Tagged , | Comments Off

Irene Lisboa – “Outro dia”

Escrever assim … escrever sem arte, sem cuidado, sem estilo, sem nobreza, nem lindeza … sem maior concentração, sem grandes pensamentos, sem belas comparações, não será escrever! Mas assim me apetece, que o entendam ou não, que o admitam ou … Continue reading

Posted in Irene Lisboa | Tagged , | Comments Off

Irene Lisboa – “Afrodite”

Formosa. Esses peitos pequenos, cheios. Esse ventre, o seu redondo espraiado! O vinco da cinta, o gracioso umbigo, o escorrido das ancas, o púbis discreto ligeiramente alteado, as coxas esbeltas, um joelho único suave e agudo, o coto de um … Continue reading

Posted in Irene Lisboa | Tagged , | Comments Off