Fernando Esteves Pinto – “Ele abre um livro”

Ele abre um livro
e com um sopro trémulo transforma as palavras
em lugares luminosos.
Ele faz caminhar o fértil desejo
por uma rua da sua cidade.
Ou fecha-se em casa como um bicho de contas
redondo e imóvel, desafiando lentamente
os tempos luxuriantes,
os largos silêncios que lhe fecham todas as portas.

facebooktwittermailby feather
This entry was posted in Fernando Esteves Pinto and tagged , . Bookmark the permalink.