084 – Bernardim Ribeiro e Joaquim Pessoa

10.03.2007

Este “Palavras de Ouro” segue um padrão que já se tornou habitual. Refiro-me à sua construção: uma lenda e dois poetas.
Há, porém, diferenças. A lenda não chega da Rosa do Mundo nem das lendas judias mas da escrita de Deana Barroqueiro e no que diz respeito aos poemas o que se poderá dizer é que estão separados por, exactamente, 466 anos: Bernardim Ribeiro e Joaquim Pessoa.

facebooktwittermailby feather
135135