História 153 – “A Lenda dos Távoras”

15.12.2010 | Produção e voz: Luís Gaspar

Vamos ouvir outra lenda escrita por Fernanda Frazão: “A Lenda dos Távoras”
Os dois irmãos D. Tedo e D. Rausendo, que segundo a tradição eram descendentes de Ramiro II de Leão, são protagonistas de um ciclo lendário que busca as suas bases na reconquista cristã anterior à formação do reino de Portucale. A História porém não dá crédito à existência destes dois cavaleiros pelos quais frei Bernardo de Brito mostra um especial carinho na sua Monarquia Lusitana.

Se quiseres ler a história enquanto a ouves, clica AQUI.

facebooktwittermailby feather

História 152 – “O Penedo do Sino”

07.12.2010 | Produção e voz: Luís Gaspar

Vamos ouvir mais uma lenda escrita por Fernanda Frazão que fui buscar ao seu trabalho “Lendas Portuguesas”
A pequena aldeia de Bustelo, que, como se sabe, fica no alto do monte a dois passos da Citânia, viveu em tempos idos um cabaneiro que possuía um enorme rebanho de ovelhas, entre as quais existia também uma preciosa cabrinha leiteira.

Se queres ler a história ao mesmo tempo que a ouves, clica AQUI.

facebooktwittermailby feather

História 151 – “A bicha de sete cabeças”

29.11.2010 | Produção e voz: Luís Gaspar

Vamos ouvir uma história recolhida por Ataíde de Oliveira e intitulada “A bicha de sete cabeças”. Uma história com muitas lutas e mortes.
Havia um pescador muito pobre que todos os dias ia ao mar e somente pescava alguma sardinha e chicharro. De uma vez lançou as suas redes e pescou um enorme peixe.
— Não me mates e eu te darei muito peixe, disse o peixe grande.


Se quiseres ler a história ao mesmo tempo que a lês, clica AQUI.

facebooktwittermailby feather

História 150 – “A lenda do Galo de Barcelos”

23.11.2010 | Produção e voz: Luís Gaspar

Vamos ouvir mais uma lenda escrita por Fernanda Frazão: “O senhor do galo de Barcelos e o milagre do enforcado”
Esta lenda, que corre em Barcelos, está ligada a um antigo padrão de pedra cuja origem se desconhece e que tem de um lado baixos-relevos com a Virgem, S. Paulo, o Sol, a Lua e um dragão, e do outro Cristo crucificado, um galo e Santiago sustentando um enforcado.
Se queres ler a história enquanto a ouves, clica AQUI

facebooktwittermailby feather

História 149 – “A filha do governador”

16.11.2010 | Produção e voz: Luís Gaspar

Vamos ouvir uma história recolhida por Ataíde de Oliveira e que fui buscar ao seu livro “Contos Tradicionais do Algarve”. Intitula-se “A filha do Governador”
Tinha um rei um governador de sua confiança.
Este governador casou e sua mulher faleceu quatro anos depois de dar à luz uma criança do sexo feminino.
Se quiseres ler a história ao mesmo tempo que a ouves, clica AQUI.

facebooktwittermailby feather

História 148 – “A lenda do Santo Servo”

10.11.2010 | Produção e voz: Luís Gaspar

Mais uma lenda registada por Fernanda Frazão, desta vez “A lenda do Santo Servo”
Na Câmara de Lobos, na ilha da Madeira, existe um antigo convento de franciscanos, o primeiro a ser construído fora do Funchal, conhecido como Convento de S. Bernardino.
Se queres ler a história enquanto a ouves, clica AQUI

facebooktwittermailby feather

História 147 – A lenda de Seteais

03.11.2010 | Produção e voz: Luís Gaspar

Vamos ouvir a lenda de Seteais, uma recolha de Fernanda Frazão.

Seteais é um dos mais belos recantos da serra de Sintra.

Quando, em 1147, Afonso Henriques e os cruzados estrangeiros conquistaram Lisboa, Sintra rendeu-se sem resistência, porque ficava a partir de então isolada do restante território árabe. Os mouros da localidade alcançaram continuar em paz na região, que, tal como agora, era fertilíssima e agradável.
Se queres ler a história ao mesmo tempo que a ouves, clica AQUI.

facebooktwittermailby feather

História 146 – “A rainha infiel”

25.10.2010 | Produção e voz: Luís Gaspar

Vamos ouvir, neste programa, a história “A Rainha Infiel”, que fui buscar ao livro de Xavier Ataíde de Oliveira, “Histórias tradicionais do Algarve”
Havia uma viúva muito pobre, que tinha uma filha, que trabalhava em serviços de costura. Um dia, estava ausente sua mãe, foi ela ao quintal e assomou-se a um poço.
Se quiseres ler a história enquanto a ouves, clica AQUI.

facebooktwittermailby feather

História 145 – “Lenda de Maia”

19.10.2010 | Produção e voz: Luís Gaspar

“Lenda de Maia” é o nome da lenda eu vamos ouvir, escrita por Fernanda Frazão.
Sobre as ruínas de uma antiga povoação, chamada em tempos longínquos Ammaya, nasceu, pela mão de D. Afonso III, a pequena jóia arquitetónica que é Portalegre. Diz-se que a antiga Ammaya foi destruída primitivamente pelos bárbaros do Norte, e mais tarde, arrasada pelos Mouros. O que dela restou então foi alternadamente habitado por mouros e cristãos nesses tempos da Reconquista, até que as populações abandonaram o local por demais devastado por algaradas e fossados.
Segundo uma velha lenda, Ammaya fora fundada, mil e trezentos anos antes de Cristo, em honra de Maia, filha de Lísias. Mas vejamos o que conta a tradição.
Se quiseres ler a história ao mesmo tempo que a ouves, clica AQUI.

facebooktwittermailby feather

História 144 – “A lenda da Serra da Estrela”

12.10.2010 | Produção e voz: Luís Gaspar

Hoje, outra lenda escrita por Fernanda Frazão, “A Lenda da Serra da Estrela”
Era uma vez um jovem pastor que vivia numa longínqua aldeia. Por único amigo tinha um cachorrinho, que nas longas noites de solidão se deitava a seus pés sem esperar nenhum gesto, nenhuma palavra. Sofria este pastor de uma estranha inquietação: cismava alcançar uma serra enorme que via muito ao longe, ver as terras que existiriam para lá da muralha rochosa que constituía o seu horizonte desde que nascera. E muitas noites passava em claro, meditando nesse seu desejo infindável.
Se queres ler a história enquanto a ouves, clica AQUI.

facebooktwittermailby feather

História 143 – “A Inês Negra”

08.10.2010 | Produção e voz: Luís Gaspar

Vamos ouvir, neste programa mais uma lenda recolhida por Fernanda Frazão, intitulada “A Inês Negra”.

Passou-se a história que vou contar no tempo da guerra contra Castela, em 1388, no início do reinado de D. João, o Mestre de Avis.
É sabido que o herói desta guerra, para além de Nuno Álvares e dos múltiplos cavaleiros que se notabilizaram, o herói foi, sobretudo, o povo português, que inconscientemente se uniu a ponto de formar uma só identidade.

Se quiseres ler a história enquanto a ouves clica <strong>AQUI.

facebooktwittermailby feather

História 142 – Santiago e o Caio

22.09.2010 | Produção e voz: Luís Gaspar

Vamos ouvir uma lenda escrita por Fernanda Frazão, “Santiago e o Caio”
A lenda que vou contar anda ligada a uma antiga família de Portugal, os Pimentéis de Trás-os-Montes. Consta que este apelido de Pimentel procedeu de uma alcunha imposta pelo rei Afonso III, por volta do ano de 1260, a um moço fidalgo chamado Vasco Martins de Navais, que se evidenciou pela esperteza e celeridade que em tudo mostrava.
Se queres ler a história enquanto a ouves, clica AQUI

facebooktwittermailby feather

História 141 – “A Pastora e o Limpa-chaminés”

06.09.2010 | Produção e voz: Luís Gaspar

Mais um ano de escola e o Estúdio Raposa retoma a publicação das histórias. Para começar e contra o que é habitual não vamos ouvir uma história tradicional portuguesa. Vou contar-vos, assim como se fosse um presente pelo início das aulas, um conto do famoso escritor Hans Christian Anderson. Intitula-se “A Pastora e o Limpa-chaminés”

Se quiseres ler a história enquanto a ouves, clica AQUI.

facebooktwittermailby feather

História 140 – “A moura do Castelo de Tavira”

05.08.2010 | Produção e voz: Luís Gaspar

Uma lenda recolhida por Fernanda Frazão: “A moura do Castelo de Tavira”

A noite de S. João é, como toda a gente sabe, noite de mouras encantadas. Segundo uma antiga tradição, vinda do tempo longínquo da conquista do Algarve, há em Tavira uma moura que, à meia-noite da noite de S. João, aparece nas ameias do castelo chorando a sua triste sina de encantada.
Se queres ler a história enquanto a ouves, clica AQUI.

facebooktwittermailby feather

História 139 – “O cão e a parede”

27.07.2010 | Produção e voz: Luís Gaspar

Vamos ouvir duas pequenas histórias recolhidas por Ataíde de Oliveira. 
A primeira chama-se “O cão e a parede” e a segunda, “Dois compadres”
Se queres ler as histórias ao mesmo tempo que as ouves, clica AQUI.

facebooktwittermailby feather

História 138 – “Aninha-a-Pastora”

20.07.2010 | Produção e voz: Luís Gaspar

Hoje, mais uma lenda: Aninha-a-Pastora.
Conta a lenda que há muito tempo, talvez no tempo dos afonsinhos, apareceu no vale do Jamor uma pastorinha com o seu rebanho. Ninguém sabia donde ela viera, mas também a ninguém interessava saber. E a pastora por ali ficou, achando o local propício para si e para as suas ovelhas.

Se quiseres ler a história ao mesmo tempo que a ouves, clica AQUI.

facebooktwittermailby feather

História 137 – “A Lenda de Mileu”

13.07.2010 | Produção e voz: Luís Gaspar

Mais uma lenda recolhida por Fernanda Frazão: a Lenda de Mileu.

Perto de Estremoz existe uma localidade chamada Veiros que, em tempos medievais, foi bem mais importante do que aquela cidade. Situada num ponto alto, na margem da ribeira de Ana Loura, possuía um forte castelo, cuja primitiva edificação se terá devido aos Romanos.
Se quiseres ler a história enquanto a ouves, clica AQUI.

facebooktwittermailby feather

História 136 – “Duas perdizes”

06.07.2010 | Produção e voz: Luís Gaspar

Porque são pequenas, vamos ouvir não uma, mas duas histórias. Fui busca-las às “Histórias tradicionais do Algarve” de Ataíde de Oliveira
Se quiseres ler a história enquanto a ouves, clica AQUI

facebooktwittermailby feather

História 135 – “As Mouras do Rio Seco”

01.07.2010 | Produção e voz: Luís Gaspar

Mais uma lenda recolhida por Fernanda Frazão e descoberta no seu livro “Lendas Portuguesas”.
Muito próximo de Faro existe o leito de um rio, o rio Seco, como lhe chamam as gentes, que é tido e havido como a principal sede de mouros e mouras encantados nos arredores daquela cidade. No tempo da conquista do Algarve, porém, ainda esse rio corria manso para o oceano, possibilitando a sua utilização plena pelos mouros da região, que, logicamente, o usaram para os seus encantamentos, como vamos ver.
Se queres ler a história enquanto a ouves, clica AQUI.

facebooktwittermailby feather

História 134 – “A Moura de Querença”

23.06.2010 | Produção e voz: Luís Gaspar

Vamos ouvir uma lenda do Algarve recolhida por Fernanda Frazão na sua obra “Lendas Portuguesas”.
Querença é uma pequena e antiga freguesia algarvia. Segundo uma velha crença da região, passou-se ali, em tempos recuados, uma história com uma moura encantada.
Se queres ler a história enquanto a ouves, clica AQUI.

facebooktwittermailby feather

História 133 – “O Milagre da Nazaré”

16.06.2010 | Produção e voz: Luís Gaspar

Creio que toda a gente conhece a lenda do milagre do Sitio da Nazaré, na qual D. Fuas Roupinho escapou por pouco às teias do Diabo, que o tentou sob a forma de um veado. Mas antes de recordarmos essa velha história vamos conhecer um pouco mais da figura lendária desse semi-herói do tempo do primeiro rei de Portugal.
Se quiseres ler a história enquanto a ouves, clica AQUI.

facebooktwittermailby feather

História 132 – “Grândola”

08.06.2010 | Produção e voz: Luís Gaspar

Vamos ouvir a lenda da formação de Grândola, um trabalho de Fernanda Frazão.


Em 1527, Grândola era uma insignificante aldeia com 45 habitantes e mais 200 em casais afastados…
Se quiseres ler a lenda enquanto a ouves, clica, AQUI.

facebooktwittermailby feather

História 131 – “Sesimbra”

03.06.2010 | Produção e voz: Luís Gaspar

Mais uma lenda, esta sobre Sesimbra. Recolhida por Fernanda Frazão
As origens de Sesimbra perderam-se na memória dos homens. Várias teses têm sido apresentadas sem que ainda se chegasse a uma conclusão unânime.
Se desejas ler o texto enquanto ouves, clica AQUI.

facebooktwittermailby feather

História 130 – “O Tacho do Tesouro”

26.05.2010 | Produção e voz: Luís Gaspar

Vamos ouvir mais uma lenda contada por Fernanda Frazão “O Tacho do Tesouro”
Ainda no início do século XVIII muita gente conhecia as ruínas do que fora um grande palácio, a habitação da heroína desta lenda, Dona Zarolha.
Se quiseres ler a história enquanto a ouves, clica AQUI.

facebooktwittermailby feather

História 129 – “Dinorah”

21.05.2010 | Produção e voz: Luís Gaspar

Mais uma lenda do Algarve, recolhida por Fernanda Frazão na sua obra “Lendas Portuguesas”
Se queres ler a história enquanto a ouves, clica AQUI

facebooktwittermailby feather

História 128 – “A cobrinha do barranco”

12.05.2010 | Produção e voz: Luís Gaspar

Mais uma lenda do Algarve que fui copiar à obra de Fernanda Frazão, “Lendas Portuguesas”.
O século passado, em frente à residência paroquial da Mexilhoeira Grande, no Algarve, existia um barranco por onde toda a gente tinha medo de passar, por se dizer que noutros tempos aí aparecia um mourinho encantado. Hoje, a estrada passa por esse local e já ninguém recorda esse medo antigo e não há memória de aparições encantadas.
Se quiseres ler a história ao mesmo tempo que a ouves, clica AQUI.

facebooktwittermailby feather

História 127 – “O Cinto da Moura”

07.05.2010 | Produção e voz: Luís Gaspar

Mais uma lenda da obra “Lendas Portuguesas” de Fernanda Frazão.
Se quiseres ler o testo da lenda enquanto a ouves, clica AQUI.

facebooktwittermailby feather

História 126 – “O Monge e o Passarinho”

29.04.2010 | Produção e voz: Luís Gaspar

Hoje vou contar uma lenda que fui buscar ao livro de Fernanda Frazão, “Lendas Portuguesas”, intitulada, “O Monge e o Passarinho”
No tomo II dos Tratados Vários, conta o padre Manuel Bernardes esta velha lenda que ouviu, primeiro, em Vilar de Prades e, mais tarde, em Rates.
Se queres ler a lenda ao mesmo tempo que a ouves, clica AQUI:

facebooktwittermailby feather

História 125 – “Frei Manuel sem cuidados”

23.04.2010 | Produção e voz: Luís Gaspar

Mais uma história do livro de Ataíde de Oliveira, “Contos Tradicionais do Algarve”: “Frei Manuel sem cuidados”
Se quiseres ler a história enquanto a ouves, clica AQUI.

facebooktwittermailby feather

História 124 – “A Cacheira”

14.04.2010 | Produção e voz: Luís Gaspar

Vamos ouvir um história recolhida por Ataíde de Oliveira, intitulada, “ A Cacheira”. Para quem não sabe, cacheira é um pau, vara ou moca.
Uma velhinha muito religiosa e muito pobre semeou um dia uma fava no seu quintal. Cresceu, cresceu e chegou até ao céu. Um dia de manhã muito cedo subiu pelo pé da fava e foi bater à porta do céu. – O que queres? – perguntou S. Pedro….
Se queres ler a história enquanto a ouves, clica AQUI.

facebooktwittermailby feather