Nota biográfica >>

Eugénio de Andrade, pseudónimo de José Fontinhas (Póvoa de Atalaia, 19 de Janeiro de 1923 — Porto, 13 de Junho de 2005). Apesar do seu enorme prestígio nacional e internacional, Eugénio de Andrade sempre viveu distanciado da chamada vida social, literária ou mundana, tendo o próprio justificado as suas raras aparições públicas com «essa debilidade do coração que é a amizade».

Jorge Sousa Braga – “Aniversário” (para o Eugénio)

04.12.2015

jorge_martins

Trouxe-te um ramo de frésias (não
eram essas as flores dos jardins de
Castelo Branco?)
embrulhadas em celofane por causa do
frio Trouxe-te um ramo de frésias já
que não te podia trazer um rio

Primavera 84

Poema de Jorge de Sousa Braga, ilustração de Jorge Martins, ambos retirados do livro “Aproximações a Eugénio de Andrade”, editado pela ASA com o patrocínio a BIAL, coordenação de José da Cruz Santos e Direção gráfica de Armando Alves.

facebooktwittermailby feather
71097109