Nota biográfica >>

António Forte Salvado (Castelo Branco, 20 de Fevereiro de 1936) é um poeta e escritor português. Além de ser autor de uma extensa obra poética, é também autor de ensaios e antologias, tendo sido a sua obra reconhecida várias vezes com prémios nacionais e internacionais.

António Salvado – “Pejaram os caminhos…”

03.07.2012

Pejaram os caminhos de cobiça,
a lama da inveja languinhenta
cobre as pedras do chão: e de mãos dadas
encontrar-me na curva pressentida
e minam como cirro de doença
que droga alguma poderá sanar. »

Tiro da estante o livro. Abro ao acaso
fixando os olhos leio aquelas linhas
e volto a folha – sigo impressionado
a descobrir sentidos …….. em surdina
interrogando sortes e destinos
por que partiu ali em tantas páginas
o livro que busquei…….. no labirinto
de tal desordem…. tão desalinhada?

facebooktwittermailby feather
50585058